quarta-feira, 25 de março de 2015

Desintoxicação dos rins com salsa



Os rins filtram o sangue, removendo os excessos da alimentação, como o sal e tantos veneninhos deliciosos que apreciamos. Quando os acúmulos, notadamente de sal, sobrecarregam os rins, começa o martírio de uma pessoa. De vez em quando é preciso fazer uma desintoxicação, antes que a porca torça o rabo.

Três ramos viçosos de Salsa bem limpos e picados, batidos no liquidificador com água mineral e bem coado dá para um copo de 250 a 300ml, que deve ser consumido imediatamente. Há quem prefira fazer o mesmo, porém, fervendo a salsa como chá e tomando um copo por dia. É preferível vivo e com toda a sua potência. Não negocie com o paladar. Mande para dentro!

O fato é que você vai notar sim uma diferença significativa em 7 a 28 dias, ingerindo o suco uma vez por dia. Em Naturopatia a Salsa é a campeã em limpeza e reequilíbrio dos rins. Uma boa limpeza também ajudará em processos alérgicos, pois é benéfica na função digestiva (notadamente, o fígado agradecerá) e no trato intestinal, Por isso, aumentar a Salsa viva na alimentação é nota dez.

A função psicológica ou espiritual dos rins também tem a ver com “filtro” no sentido de discernimento, indispensável para analisar e julgar as coisas com mais equilíbrio. Por mais esdrúxulo que pareça, a Salsa é uma das plantas ligadas ao nosso discernimento e julgamento. Mesmo saudável, quando chegar o período de Libra, que também governa os rins, o equilíbrio e a justiça, entre 21 de setembro e 21 de outubro, faça a sua desintoxicação anual.

Talvez, você possa ajudar alguém que esteja tratando os rins, ou necessitando dos benefícios abaixo descritos, orientando essa pessoa para conversar com seu médico a respeito desse procedimento. Com certeza, ajudará aos mais previdentes, pois seguro morreu de velho.
Mais dicas?

Benefícios:

  • Limpa os rins, o fígado e o trato urinário, funcionando como diurético natural.
  • Auxilia na digestão, eliminando gases estomacais e intestinais.
  • Optima para a circulação sanguínea, colaborando na eliminação de gorduras.
  •  Rica em fibras, vitamina A, cálcio, fósforo, ferro, além das vitaminas C, E e do complexo B. 
  • Rica em clorofila, a sua alcalinidade oxigena e combate a acidez do sangue por excesso de derivados de farinha branca, produtos industrializados e comida “morta”.

Contra-indicações
Note, em grandes quantidades - mulheres grávidas precisam evitar consumo exagerado, pois, pode provocar sangramentos. Quem sofre de doença tendente a hemorragias evite também. Segundo o Blog Mistura viva, o componente químico da salsa – apiol - altera o sistema reprodutor feminino e pode provocar o aborto. Confira com o seu médico. Veja mais dicas no blog citado e bom proveito.

0 comentários:

Publicar um comentário